Open

          

Clique, Acesse e Curta!

 

Aproveite e envie-nos uma mensagem!

06/05/2016. Sexta-feira. 6ª Semana da Páscoa



Cor litúrgica: Branco

Ponto de partida

A Palavra de Deus anima os missionários em meio aos riscos da missão e traz profunda alegria a todos os que fecundam o amor e a vida ao mundo. Nosso coração se alegra por sabermos que o povo pertence a Deus e é alvo de missão da Igreja. A alegria que nasce das tribulações constitui sinal seguro do mundo renovado.

Oração inicial

Ó Deus, fazei que a pregação do Evangelho por toda a terra realize o que prometestes ao glorificar o vosso Verbo, para que possamos alcançar, vivendo plenamente como filhos e filhas, o que foi anunciado pela vossa palavra. Por Nosso Senhor Jesus Cristo, Vosso Filho, na unidade do Espírito Santo. Amém!

Liturgia do dia:

1ª Leitura: Atos 18, 9 - 18

Salmo responsorial: 46 (47)

Evangelho: João 16, 20 - 23

+ Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo João.

Naquele tempo, disse Jesus a seus discípulos: “Em verdade, em verdade vos digo: haveis de lamentar e chorar, mas o mundo se há de alegrar. E haveis de estar tristes, mas a vossa tristeza se há de transformar em alegria. Quando a mulher está para dar à luz, sofre porque veio a sua hora. Mas, depois que deu à luz a criança, já não se lembra da aflição, por causa da alegria que sente de haver nascido um homem no mundo. Assim também vós: sem dúvida, agora estais tristes, mas hei de ver-vos outra vez, e o vosso coração se alegrará e ninguém vos tirará a vossa alegria. Naquele dia não me perguntareis mais coisa alguma. Em verdade, em verdade vos digo: o que pedirdes ao Pai em meu nome, ele vo-lo dará”.

Palavra da Salvação.

Apenas um breve comentário...

É doce e encantadora a imagem materna à qual Jesus recorre para poder representar a sua "hora”, isto é, o acontecimento que dentro de pouco se cumprirá quando sair do Cenáculo e ir ao encontro dos dois processos, à condenação, às torturas e, portanto, à crucificação. É o momento do parto quando a mãe prova dores lacerantes.

Mas existe também uma desembocadura luminosa para aquele sofrimento: no fim, a mãe aperta orgulhosa o seu filhinho entre os braços, feliz, porque "um novo homem veio ao mundo”. Assim será também para Jesus: depois da treva da Paixão, abrir-se-á a aurora luminosa da Páscoa. Assim também para nós, seus discípulos: depois da prova, a luz e a alegria plena.

Os discípulos foram alertados a respeito do perigo de ficarem muito abatidos com a morte do Mestre, e se entregarem ao pranto e às lamentações, esquecendo-se da missão que tinham pela frente.

Se, por um lado, justificava-se o choro momentâneo, seria insensato deixar-se vencer por ele. A tristeza deveria transformar-se em alegria, e o pranto em festa. A última palavra sobre a vida de Jesus competia ao Pai. Por outro, ele responderia com a "vida" o que os inimigos do Reino votaram à "morte". Somente assim   teria fim a alegria efêmera do mundo, que se vangloriou de ter eliminado Jesus. Era tempo de colocar no Pai uma confiança inabalável.

Irmãos e irmãs, as dores do parto são uma imagem do que os discípulos estavam vivendo. Uma criança vem à luz em meio a dores e sofrimentos, tanto dela quanto da mãe. Uma vez concluído o parto, é tempo de festejar. Vemos que algo semelhante passa-se com Jesus: seu ministério de salvação da humanidade foi perpassado de rejeição e incompreensão que culminou na morte de cruz.

Veja bem!  Tudo isto foi necessário para que a salvação pudesse acontecer. Uma vez realizada, era tempo de alegrar-se, porque o Senhor ressuscitou. Ninguém jamais haveria de privar os discípulos dessa alegria pela presença do Ressuscitado.

Doravante, as tribulações infligidas pelo mundo podem ser vividas de maneira diferente, pois, em Jesus Ressuscitado, temos a certeza de que o poder da morte foi vencido definitivamente.

Louvado seja Deus

Oração final

Guardai, ó Deus, no vosso constante amor, aqueles que salvastes, para que, redimidos pela paixão do vosso Filho, nos alegremos por sua ressurreição. Por Cristo, nosso Senhor. Amém!

Paz a todos vós que sois de Cristo!

 

Aproveite o momento e clique na imagem abaixo e conheça as Apostilas Teologia Fé e Vida


Visite nosso Ambiente Virtual de Aprendizagem

Cursos Livres Online de Formação & Capacitação em diversas áreas do conhecimento Religioso:

Teologia - Filosofia - Cristologia - Mariologia - Liturgia. Formação e Capacitação de Ministros Extraordinários, e muito mais...

Informamos a todos que nos visitam que, em breve, estaremos disponibilizando diversos Cursos Livres Online (EaD) de Formação e Capacitação em diversos níveis do Conhecimento: Religião, História, Filosofia, Teologia etc. Em Ambiente Virtual de Aprendizagem onde se poderá navegar por vários cursos com aulas, carinhosamente, elaboradas e preparadas por uma equipe de Professores, Teólogos, Historiadores e Mestres nas áreas de todos os campos do conhecimento que aqui se propõe ensinar.

Portanto, aguarde, pois, em breve as matrículas estarão abertas. Não perca esta oportunidade de aprimorar seus conhecimentos no campo da religião. Curso para Ministros Extraordinários: Palavra e Eucaristia, Acólitos, (Coroinhas), Formação de Catequistas, Formação Litúrgica e muito mais.Com direito a Certificado e tudo mais. Aguardem! e, para mais informações , por favor, entre em contato: cursosfeevida@gmail.com  Clique aqui e saiba mais, ou, se preferir obter mais informações, por favorClique aqui.

 

top